Energia Elétrica

Importância do SPDA conforme NBR 5419

02 de novembro, 2016

Todos os anos grandes tempestades e temporais atingem grande parte da população brasileira, na região sul não é diferente, existem diversos registros de prejuízos em edifícios, construções e até mesmo a vida de seres humanos e animais. A NBR 5419 teve sua ultima atualização em 2015 com o intuito de trazer mais segurança aos envolvidos, quando o assunto é projeto e execução de Sistemas de Proteção Contra Descargas Atmosféricas.

Um sistema de proteção contra descargas atmosféricas tem como objetivo blindar uma estrutura, seus ocupantes e seus conteúdos dos efeitos térmicos, mecânicos e elétricos associados com os relâmpagos. O sistema atua de modo que a descarga atmosférica possa entrar ou sair do solo sem passar através das partes condutoras da estrutura ou através de seus ocupantes, danificando-os ou causando acidentes.

O sistema não impede que os raios atinjam a estrutura, ele promove um meio para controlar e impedir danos através da criação de um caminho de baixa resistência elétrica para a corrente elétrica fluir para o solo. A ideia de proteger prédios e outras estruturas dos efeitos diretos dos raios por meio do uso de condutores foi, pela primeira vez, sugerida cerca de dois séculos atrás por Benjamin Franklin.

Os principais componentes de um sistema de proteção contra relâmpagos ou sistemas de proteção contra descargas atmosféricas (SPDA), são:

-   Terminais aéreos;

-   Condutores de descida;

-   Terminais de aterramento;

-   Condutores de ligação equipotencial.

A Biel Automações Elétricas trabalha projetando e executando sistemas inteligentes que tem como principal objetivo, anular riscos de mortes ou prejuízos econômicos decorrente de raios na região, entre em contato e solicite uma visita.